Não são apenas empresas formais que podem oferecer opções variadas de pagamento aos seus clientes. Se você é freelancer ou trabalhador autônomo mas gostaria de disponibilizar um meio de pagamento mais profissional, além do dinheiro, cheque e transferência, saiba que a emissão de boletos bancário é uma excelente alternativa.

É possível emitir boleto sem CNPJ?

Sim, não é preciso ter um cadastro nacional de pessoa jurídica para emitir boletos. Para viabilizar a emissão, entre em contato com o gerente do seu banco e solicite a contratação de uma carteira de cobrança. Esse é um serviço extra e o valor cobrado pela habilitação pode variar de acordo com cada instituição. Se você quiser tornar esse processo ainda mais simples e fácil, opte por trabalhar com boletos online.

Cobranças via boleto online

A contratação de uma empresa de pagamentos online permitirá o recebimento via boleto eletrônico sem ter que acionar diretamente nenhuma instituição financeira – esses sistemas fazem o meio campo entre empresários e os bancos, de forma segura e sem burocracia.

Através dos sistemas intermediadores de pagamentos é possível realizar todo o controle financeiro de sua carteira de clientes, o que pode ser uma verdadeira mão na roda, principalmente se você não tiver muita intimidade com as práticas de gestão financeira.

guia para o sucesso dos empreendedores

Além de emitir as cobranças, essas plataformas se encarregam pelo envio do boleto online por email e ainda permitem a configuração de avisos para lembrar os clientes sobre as datas de vencimento (por email ou SMS).

A falta de um CNPJ não deve ser um fator limitante para a profissionalização do seu negócio! Quanto mais opções de pagamento você puder oferecer, maiores serão as chances de concretizar uma venda.

Gostou? Aproveite e leia mais sobre como gerar boletos bancários e, se tiver dúvidas, deixe sua pergunta nos comentários!